A FACULDADE NACIONAL DE DIREITO: ALMA MATER

Fábio Corrêa Souza de Oliveira

Resumo


O artigo intenta moldar um quadro representativo, conquanto sintético, da Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Empreende-se, para tal, uma visita pela história, passando por episódios marcantes e desafios. Apresentam-se duas contribuições que tiveram ensejo na Faculdade a partir do engenho de San Tiago Dantas. Faz-se uma consideração sobre o mandamento constitucional da gratuidade do ensino público. Assenta-se, a partir da ambiência acadêmica descrita por Hermes Lima, a abertura recente da Faculdade para a Ética Animal. Afirma-se que a Faculdade Nacional de Direito reúne os predicados que a qualificam como alma mater studiorum.


Palavras-chave


Universidade Federal do Rio de Janeiro; Faculdade de Direito; Faculdade Nacional de Direito

Texto completo:

PDF

Referências


CABRAL, Antonio do Passo. Alguns mitos do processo (III): a disputa entre Pontes de Miranda e Haroldo Valladão em concurso para professor catedrático na Universidade do Rio de Janeiro entre 1936 e 1940. Revista Brasileira de Direito Processual, ano 26, nº 96, p. 11-47, out./dez. 2016.

DANTAS, San Tiago. Palavras de um professor. 2ª ed. Rio de Janeiro: Forense, 2001, p. VII. A 1ª ed. é de 1975.

FÁVERO, Maria de Lourdes de Albuquerque. Universidade do Brasil: das origens à construção. 2. ed. rev. ampl. Rio de Janeiro: Editora da UFRJ, 2010.

LEAL, Victor Nunes. Coronelismo, enxada e voto: o Município e o regime representativo no Brasil. 7ª ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2012.

OLIVEIRA, Fábio Corrêa Souza de. Direito e Ética Animal: uma leitura a partir da categoria Romance em Cadeia, de Ronald Dworkin. In: Direito, democracia e sustentabilidade. Anuário do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Direito da Faculdade Meridional. Passo Fundo: IMED, p. 163-188, 2015.

_________. Notas sobre as Universidades Públicas no Brasil. Universidade de Lisboa, Faculdade de Direito, Revista Jurídica Luso-Brasileira, ano 1, nº 3, p. 549-569, 2015.

_________. San Tiago Dantas e a Faculdade Nacional de Direito: lembrança e atualidade. Versus, Revista de Ciências Sociais Aplicadas do Centro de Ciências Jurídicas e Econômicas (CCJE/UFRJ), no prelo.

QUEIROZ, Andréa Cristina de Barros. A memória institucional e os impactos da repressão na UFRJ. Anais do Encontro Internacional e XVIII Encontro de História da Anpuh-Rio: Histórias e Parcerias.

_________. As memórias em disputa sobre a ditadura civil-militar na UFRJ: lugares de memória, sujeitos e comemorações. Tempo, v. 27, nº 1, p. 185-203, jan./Abr. 2020.

SILVEIRA, Daniel Veríssimo da; COSTA, Katryce Muniz Santos. O paradigma da segregação dos campi universitários no Brasil: distanciamento físico e implicações sociais. Universidade Federal da Bahia: Urbicentros: morte e vida dos centros urbanos, 22 a 24 de outubro de 2012.

VALLADÃO, Haroldo. Impugnação á these e a trabalhos apresentados pelo candidato Bacharel F. C. Pontes de Miranda no concurso para Professor Cathedrático de Direito Internacional Privado da Universidade do Brasil. São Paulo: Revista dos Tribunais, 1939.




DOI: https://doi.org/10.21783/rei.v7i2.635

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2021 Fábio Corrêa Souza de Oliveira

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

                                                                                                                     

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia